segunda-feira, 12 de março de 2018

Deputada Luana Costa consegue liberação de casas para Santa Inês e outras cidades do MA


A deputada federal Luana Costa conseguiu a liberação de propostas junto ao Ministério das Cidades para construção de 582 unidades habitacionais no município de Santa Inês e em mais outras sete cidades maranhenses. Em Santa Inês, as moradias fazem parte de projeto encaminhado pelo então prefeito Ribamar Alves.

As propostas habilitadas foram publicadas nas portarias 162 e 163, de 27 de fevereiro 2018, assinadas pelo ministro das Cidades, Alexandre Baldy, contemplando os municípios com a contratação de empreendimentos com recursos do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS), no âmbito do Programa Nacional de Habitação Urbana – PNHU, integrante do Programa Minha Casa, Minha Vida – PMCMV, para atendimento de famílias com renda familiar mensal de até R$ 1.800,00.

Desde que assumiu o mandato, a parlamentar vem recebendo lideranças de todo o Maranhão, as quais reúnem com a ela e apresentam demandas de construção de moradias, através de projetos que já tinham sido dado entrada no Ministério das Cidades. De posse dessas solicitações, a deputada manteve audiências com o ex-ministro das Cidades, Bruno Araújo, do qual recebeu o apoio para a liberação da construção de unidades habitacionais.

“Desde que assumi como deputada, tive o compromisso de lutar pela liberação dessas casas para Santa Inês, e, graças ao nosso empenho e ao projeto estar bem adiantado, pois foi elaborado ainda no governo do então prefeito Ribamar Alves, finalmente conseguimos essas 582 unidades que beneficiarão famílias carentes do município”, ressaltou a deputada.

Além de Santa Inês, outras sete cidades maranhenses tiveram a ação da deputada junto ao Ministério das Cidades para que fossem beneficiadas com a liberação de suas propostas. “É minha missão enquanto deputada percorrer os ministérios em busca de melhorias para o meu Estado e todos os prefeitos que me procurarem terão meu apoio aqui em Brasília”, finalizou Luana Costa.





Com informações deputadaluanacosta.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário